Hospital de Clínicas realiza entrega de cadeiras de roda

(16/07/2014) O Hospital de Clínicas da Unicamp iniciou a entrega de cadeiras de roda para pacientes com necessidade de auxílio para mobilidade. Desde outubro de 2013 foram entregues 45 cadeiras, compradas com recursos do hospital, totalizando R$ 64.784,00. O HC faz o acompanhamento de pacientes com alguma deficiência de locomoção, nos serviços de fisioterapia, terapia ocupacional, órtese e prótese.
 
O programa é do Ministério da Saúde, que permitiu a ampliação de aquisição de cadeiras de roda. Com a criação de uma nova portaria, outros tipos de cadeiras foram incluídos na lista, aumentando o número de pacientes que poderiam ter acesso à uma cadeira adequada. “Baseados na portaria criamos uma rotina de atendimento para pacientes com necessidades de auxílios de mobilidade. O objetivo é não parar com as entregas”, explica o médico fisiatra e reumatologista Eduardo de Paiva Magalhães.

Pacientes atendidos no HC que não possuem uma cadeira de roda, mas precisam, passam por uma avaliação no serviço de fisioterapia e terapia ocupacional, para que um profissional indique o tipo de cadeira específica para cada caso. A entrega acontece na unidade de órtese e prótese com o acompanhamento do terapeuta ocupacional, para atestar que a cadeira está de acordo com as necessidades do paciente.

O paciente Donizete Rodrigues Vilarim, de 51 anos e morador da cidade de Sumaré, fez parte do grupo que recebeu o auxílio. Portador de diabetes, ele faz acompanhamento no HC desde 1995, quando descobriu a doença, que lhe causou problemas vasculares e levou à amputação da perna esquerda em novembro de 2013, e posteriormente dos dedos do pé direito.
 
Donizete não possuía cadeira de roda própria, por isso, se locomovia com cadeira de escritório dentro de casa, e com auxílio de muleta na rua. “Sem a cadeira estava com medo de acontecer algo com minha perna, que estava sem apoio macio”. A cadeira que recebeu é especial para obesos, com capacidade para 130 kg. “Achei essa muito boa, agora em casa vou me ajeitar”, completa.
 
O Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência - Viver sem Limite, foi lançado no dia 17 de novembro de 2011 (Decreto Nº 7.612), com o objetivo de implementar novas iniciativas e intensificar ações que, atualmente, já são desenvolvidas em benefício das pessoas com deficiência. Através do programa, pessoas e entidades podem adquirir bens e serviços voltados para pessoas com deficiência com o crédito acessibilidade. A lista compreende cadeiras de roda motorizadas, adaptações veiculares, andadores, impressoras em Braille, teclados adaptados, leitores de tela, lupas eletrônicas e mobiliário acessível.
 
Órteses são colocadas junto a um segmento do corpo, garantindo um melhor posicionamento e estabilização ao usuário, como cadeira de roda, muleta e andador. Próteses são peças artificiais que substituem partes ausentes do corpo, como por exemplo, uma perna mecânica.

Caius Lucilius com Caroline Roque

Assessoria de Imprensa do HC Unicamp

Share/Save