Dia do Fisioterapeuta e Terapeuta Ocupacional no HC

(11/10/2013) O Serviço de Fisioterapia e Terapia Ocupacional do Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp promoveu nesta quinta-feira (10), uma série de palestras para os funcionários. O evento aconteceu no anfiteatro do hospital, em comemoração ao dia do Fisioterapeuta e Terapeuta Ocupacional (13). Atualmente, as áreas de fisioterapia e terapia ocupacional realizam mais de 9 mil atendimentos por mês no HC. A previsão é atingir a marca de 100 mil até o final do ano. 
 
O evento teve início com a palestra sobre a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, apresentada por Gabriela Antunes Valester Saravalle da Oficina Abrigada de Trabalho (OAT). Na seqüência, o fisioterapeuta Hildebrando de Barros Ribeiro, do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO), ministrou a palestra sobre a atuação do fisioterapeuta no SUS.
 
 “Só o trabalho multidisciplinar garante a integralidade, equidade e universalidade que o SUS propõe”, afirmou Ribeiro. A última parte do evento contou com a participação do engenheiro do Centro de Computação da Unicamp (CCUEC), Rubens Queiroz de Almeida, com a palestra “Entendendo a Comunicação Humana”.
 
Segundo Luciana Campanatti Palhares, diretora do Serviço de Fisioterapia e Terapia Ocupacional do HC, a fisioterapia está passando por uma importante mudança, do trabalho com fins curativos, o objetivo agora é a promoção da saúde. “Este evento é um dia para que os profissionais ampliem o conhecimento quanto às leis que os protegem”, completa.
 
Participando pela primeira vez do evento, a terapeuta ocupacional Cynara Ferreira Bernardes ressaltou a importância em ouvir outras experiências de quem atua na reabilitação. “É muito importante celebrar nosso dia. Trabalhamos sempre com foco no paciente, então é importante tirar um dia para falar sobre nós”. Também destacou o início  de projetos de reabilitação no HC em conjunto com as áreas de dermatologia e reumatologia.
 
Atualmente o Hospital de Clínicas da Unicamp conta com 50 profissionais da área de Fisioterapia e três de Terapia Ocupacional. Os atendimentos são feitos nos ambulatórios, nas enfermarias e nas UTIs. A fisioterapia é a ciência que estuda o movimento humano e que utiliza recursos físicos no tratamento e cura de distúrbios físicos e motores no corpo. A terapia ocupacional é voltada à prevenção e ao tratamento de indivíduos portadores de alterações cognitivas, afetivas, perceptivas e psico-motoras.
 
 
Caius Lucilius com Caroline Roque
Assessoria de Imprensa do HC Unicamp
 
Share/Save