Na posse, Tadeu reafirma propostas

(02/05/2013) A reafirmação dos compromissos assumidos em seu programa de gestão e a defesa da pluralidade, do diálogo, do respeito ao contraditório e da democracia deram o tom do discurso do reitor José Tadeu Jorge, durante a solenidade de posse realizada na noite da última terça-feira (30), no Centro de Convenções da Unicamp. O superintendente do HC, Manoel Bertolo e o coordenador de administração do hospital, João Batista de Miranda estiveram presentes à solenidade.

Ao falar às autoridades e público presente, Tadeu Jorge considerou que a emoção de assumir o cargo pela segunda vez é diferente da primeira, mas mais intensa. “Assim como são maiores as responsabilidades desta vez”, ponderou. O reitor esteve acompanhado pelo coordenador geral, Alvaro Crósta, e por quatro pró-reitores: Gláucia Pastore (Pesquisa), Teresa Atvars (Desenvolvimento Universitário), Luís Magna (Graduação) e Ítala Maria Loffredo D'Ottaviano (Pós-Graduação). O pró-reitor de Extensão e Assuntos Comunitários, João Frederico Meyer, não pôde comparecer em razão do falecimento do pai.

A assembléia universitária que deu posse a Tadeu Jorge foi presidida pelo secretário adjunto do Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo, Luiz Carlos Quadrelli, que representou o governador Geraldo Alckmin. O reitor foi conduzido à mesa de autoridades pelos professores Mohamed Habib e Daniel Pereira. A entrada do reitor no auditório foi saudada com aplausos pelo público, constituído por estudantes, funcionários, professores e convidados.

Depois de empossar Tadeu Jorge e entregar-lhe a insígnia da Unicamp, Quadrelli destacou os diversos indicadores da instituição, lembrando que ela é uma das mais importantes escolas de ensino superior ibero-americanas. “Temos certeza de que o novo reitor e sua equipe terão a oportunidade de ampliar os conhecimentos gerados na Unicamp, de modo a contribuir para o desenvolvimento científico e tecnológico do Estado, em sintonia com os interesses da população”, afirmou.

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, enfatizou a importância da Universidade não apenas para Campinas, mas para o país. “Em relação a Campinas, a Unicamp causa diversos impactos positivos. A Universidade tem contribuído, por exemplo, para atrair investimentos para a cidade, uma vez que diversas empresas, principalmente na área de tecnologia, querem se instalar num local que ofereça recursos humanos altamente qualificados”, disse.

Falando em nome do ex-reitor Fernando Ferreira Costa, que estava em viagem ao exterior, o ex-pró-reitor de Pós-Graduação, Euclides de Mesquita Neto, saudou o novo reitor e sua equipe e desejou felicidade à nova gestão. Segundo ele, a instituição “estará em ótimas mãos nos próximos anos”. Também tiveram oportunidade de falar aos presentes integrantes das entidades representativas dos estudantes de graduação e pós-graduação, professores e funcionários.

Ao reafirmar a disposição de executar os compromissos firmados no programa de gestão, Tadeu Jorge salientou que todos serão cumpridos integralmente. “Não há nenhum deles que seja inviável, nada foi colocado com intenções eleitoreiras e, tranquilizem-se, não vamos colocar a Universidade em risco em momento algum”. Por fim, o reitor agradeceu a confiança que a comunidade universitária depositou em suas propostas. “Estejam certos de que nós, eu, Álvaro e toda a equipe, nos dedicaremos intensamente para fazer com que nossa Universidade tenha todas as condições necessárias de se tornar melhor a cada dia”.

 

ASCOM

Share/Save