Amor pela Musica e enfermagem

(22/09/2007) Um tanto na UTI Pediátrica; um canto no palco. Assim Regina Mestriner administra as carreiras de enfermeira e cantora. Uma das primeiras intérpretes a homenagear os 20 anos de morte de Elis Regina, no espetáculo Regina Canta Elis, pelo Sesc São Carlos, em 2006, ela não pensa em substituir uma atividade pela outra. “Adoro o que faço no hospital; adoro minha equipe. Só estranhei a mudança da carga horária porque não tenho mais tempo de descansar entre uma atividade e outra, mas gosto das duas coisas”, diz. Como consegue? “Quando estou aqui sou a enfermeira. No palco, sou só a musicista, a cantora”. Neste sábado (22), às 22 horas, no Tonico´s Boteco, ela será só a cantora tão reconhecida e convidada por vários instrumentistas e arranjadores, no show “Como diziam os poetas...”

O que diriam então Noel Rosa, Pixinguinha, Ernesto Nazareth, Chico Buarque e Tom Jobim sobre a garra de Regina em lutar pelo direito de viver intensamente a música e, principalmente de enaltecer a produção musical brasileira desde a Época de Ouro. O show, que faz parte do projeto “Encontro de Poetas da MPB”, reverencia todos esses mestres. A cantora será acompanhada por Pereira (contrabaixo), Duda Lazzarini (bateria) e pelo violonista Zé da Conceição, com o qual possui afinidade de parceria num desempenho musical impecável de bossa, samba canção, sambas entre outros.

Paulista de Ribeirão Preto, Regina Mestriner iniciou carreira como vocalista do Grupo Sassafrás, da Universidade Federal de São Carlos, ao ingressar na universidade e atualmente integra o Grupo Hamilton e seus Estados, cujo trabalho rendeu participação no CD Cantos do Brasil, lançado em dezembro de 2004, em fase de divulgação em shows por todo o Estado.

Em sua careira solo, a cantora tem se destacado em espetáculos em casas noturnas, eventos, bares e também em participações especiais em shows de Paulinho Nogueira, Simone Guimarães com Leandro Braga, do artista plástico Guto Lacaz, Maria Butcher, Juarez Moreira e Guinga. A abertura de shows, na opinião de Regina, é uma oportunidade indispensável ao novo artista. Ela mesma já foi convidada para abrir shows de Celso Viáfora, Chico César, Dominguinhos.

Regina Mestriner já realizou os espetáculos “Especial Tom Jobim”, “Tropicália”, ”Motor da Luz”, “Do Sorriso da Mulher Nasceram
as Flores”. Atualmente, desenvolve projetos musicais, como o próprio “ Regina canta Elis”, “É Hora de Bossa”, “Memória Musical: A Época de Ouro da Música Brasileira” ; “Releitura da obra de Paulinho Nogueira”, “Todo Tempo do Mundo” e “Elas por Ela”.

Serviço
Como Diziam os Poetas
Show de Regina Mestriner
Sábado, 22 de setembro
Local: Tonico´s Botecos
Horário: 22 horas

Caius Lucilius
Assessoria de Imprensa do HC UNICAMP

Share/Save