Comitiva da Unicamp conhece sistema de compras em SP

(23/02/2007) Uma comitiva da área da Saúde da Unicamp visitou semana passada (15/2), o Hospital Pirajussara da Secretaria de Estado da Saúde, em Taboão da Serra, região metropolitana de São Paulo. O objetivo da visita foi conhecer um sistema de compras eletrônico que é utilizado conjuntamente pelo Hospital Pirajussara e outros nove hospitais subordinados a ele, para aquisição de medicamentos e material médico-hospitalar e de escritório. A visita foi organizada pelo superintendente do HC, Prof. Luiz Carlos Zeferino e foi acompanhada pelo coordenador de Administração do HC, prof. Djalma Filho, pelo diretor da FCM, prof. José Gontijo, pelo superintendente do Hospital Estadual Sumaré, prof. Lair Zambon, pela diretora do CAISM, profª Mary Parpinelly, pelo diretor associado do CAISM, prof. Renato Passini e pelo coordenador do Hemocentro da Unicamp, prof. Cármino de Souza.

A comitiva da Unicamp foi recepcionada pelo superintendente do Hospital de Pirajussara, prof. Nacime Salomão Mansur. Nacime que é docente da Escola Paulista de Medicina explicou que adotou o sistema Bianexo (www.bianexo.com.br) em função de estar na administração de outros nove hospitais. Segundo ele, as vantagens de compras de insumos usados nos 10 hospitais chegou a reduzir os preços de alguns itens de medicamentos em até 89%. “A briga por preços junto aos fornecedores proporciona resultados muito mais expressivos sem for conduzida em bloco”, assegura Nacime.

Durante uma apresentação realizada pelo coordenador de compras dos 10 hospitais, Almeida Júlio dos Santos, houve demonstrações de outras vantagens do sistema de compras eletrônicas em conjunto. De acordo com Almeida Santos, a opção pelo sistema da Bianexo começou em 2003 com seis hospitais. “As dificuldades iniciais foram principalmente relacionadas ao CNPJ da matriz e na formação de uma comissão técnica de qualificação de fornecedores”, explicou Santos.

Segundo Almeida Santos a compra consolidada não oferece perda de tempo, possui relatórios gerenciais on line, evita a perda de escala e competitividade e possibilita compras trimestrais, além de ser mais ágil. O sistema permite ainda a classificação dos produtos em curvas A, B e C, sendo que os itens mais utilizados (75%) se enquadram na curva A. “Dessa forma consolidamos um Banco de Dados que permitiu inclusive a diminuição de custos em compras de urgência”, informou Santos.

“Trata-se de fato de uma ferramenta interessante para compra consolidada e por isso viemos conhecer os resultados”, disse Zeferino. que acrescentou “Podemos ver que em alguns itens específicos estamos comprando abaixo do que nos foi apresentado, o que nos leva a avaliar com mais precisão as vantagens e desvantagens desse sistema”, considerou o superintendente do HC. Integraram ainda a comitiva da Unicamp a diretora da Divisão de Suprimentos do HC, Maria Cristina Valverde, diretora Assessoria de Planejamento da Divisão de Suprimentos, Heloisa de Souza, o diretor administrativo do CAISM Luis Augusto da Silva, a assessora da coordenadoria do CAISM, Arlete Barros e o diretor administrativo do Hemocentro José Marques.

 

Caius Lucilius
Assessoria de Imprensa do HC UNICAMP

Share/Save