3º Curso Internacional sobre Infecções Oportunista no Pacientes HIV/Aids

(05/08/2008) Foi iniciado ontem, (04/08), O 3º Curso Internacional sobre Infecções Oportunista no Paciente HIV/Aids, uma parceria entre Unicamp, Japan International Cooperation Agency – JICA e Agência Brasileira de Cooperação – ABC. O curso é um programa de treinamento para terceiros países africanos de língua portuguesa e trata-se de um projeto de cooperação – TCTP (Treinamento Para Terceiros Países) que tem como principal objetivo treinar profissionais de países africanos para tratamento de pacientes portadores do vírus HIV.

Segundo a infectologista da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) e do HC da Unicamp e coordenadora do 3º curso de TCTP, Maria Luiza Moretti, a importância do projeto está em difundir conhecimentos científicos que a Unicamp adquiriu nesta área para outros países, promovendo assim avanços científico, acadêmico e assistencial. O representante da Agência Brasileira de Cooperação, Wofsi Yuri de Souza, ressaltou que programas de cooperação internacional como este têm tido bons resultados no Brasil e no mundo, principalmente os que envolvem a área de saúde.

Já o infectologista da FCM e HC da Unicamp e um dos coordenadores desta terceira edição do curso, Francisco Aoki, citou os bons resultados já obtidos em Moçambique no que diz respeito ao tratamento de pacientes portadores do vírus da Aids.“Compartilhar experiências com profissionais de outros países, cooperar com o desenvolvimento de regiões como Angola e Moçambique é muito gratificante. Treinar médicos para efetivar ‘in loco’ o conhecimento adquirido aqui é um dos principais objetivos deste curso”, afirma Aoki. O Pró-Reitor de Extensão e Assuntos Comunitários da Unicamp, Mohamed Habib também enfatizou o intercâmbio de conhecimentos e culturas. “O mundo todo procura se integrar com o objetivo de diminuir as diferenças sociais. Não que o mundo se sustente apenas com ciência e tecnologia, mas é preciso ter o mínimo deles para a sobrevivência. Por isso, a Unicamp tem a honra de dividir com países irmãos o conhecimento desenvolvido aqui”, disse Mohamed.

O Curso Internacional sobre Infecções Oportunista no Pacientes HIV/Aids terá duração de um mês e a seleção dos especialistas estrangeiros de Angola e Moçambique que participarão do curso foi feita pelos próprios países por meio de seus Ministérios das Relações Exteriores. Participaram também da cerimônia de abertura do curso a coordenadora do Núcleo de Vigilância Epidemiológica do HC e uma das coordenadoras do TCTP, Mariângela Ribeiro Resende e o coordenador do gatrocentro e tradutor oficial da Unicamp para assuntos do Japão, Ademar Yamanaka.

A Unicamp iniciou os trabalhos de cooperação técnica com o Japão em 1996, envolvendo a área de gastroenterologia. Com os consideráveis resultados obtidos, nova cooperação foi consolidada envolvendo a área de Pediatria, AIDS e Hepatologia.

 

Caius Lucilius com Gláucia Santiago
Assessoria de Imprensa do HC UNICAMP

Share/Save