Telemedicina ganha força no HC

(10/03/2010) O Hospital de Clínicas da Unicamp apresentou pela primeira vez, na última sexta-feira (05-02), um caso clínico para discussão em uma sessão de videoconferência promovida pela Division of TeleMedicina/Department of Surgery/, da Universidade de Miami, Miller School of Medicine. A sala de telemedicina do HC faz parte da Rede Universitária de Telemedicina (RUTE) e foi inaugurada em julho de 2009. Em média são duas sessões semanais com o Brasil e outros países.

As sessões de Trauma Tele-Grand Rounds Coference, como são chamadas, são coordenadas pelo professor. Antônio Marttos, brasileiro radicado em Miami, e acontecem quinzenalmente às sextas-feiras. As conferências são realizadas há dois anos e a Unicamp passou a integrar o grupo neste ano.

Participam das sessões, assistentes e residentes da Disciplina de Cirurgia do Trauma, internos (6º ano) e alunos do 4º ano no estágio do Trauma. Entretanto, as teleconferências também são abertas para todos os profissionais da saúde. Nelas são discutidos casos de trauma, realizando um rodízio entre os hospitais participantes.

Na última sessão, o caso apresentado pela Unicamp tratava-se de um paciente acidentado no trânsito, em dezembro de 2008. Após a apresentação do professor Gustavo Fraga, houve um momento para discussão entre os grupos. Também participam destas sessões o Hospital Militar de Bogotá, Universidade Federal do Amazonas, UNIRIO, e outros dois centros da Flórida-EUA. Na Unicamp, as sessões acontecem na sala de Videoconferência, no 3º andar do HC.

A videoconferência é um exemplo da integração promovida pela Rute que são os SIGs (Special Interest Groups, na sigla em inglês, ou Grupos de Interesse Especial), nos quais os profissionais de saúde das instituições pertencentes à rede montam uma agenda de videoconferências para debater assuntos específicos, nesse caso o Trauma. Além dos debates e discussões de caso, alguns SIGs também realizam diagnósticos e aulas à distância.

O Núcleo da RUTE no HC está totalmente equipado com tecnologias de última geração ocupando uma área total de 300 metros quadrados com um salão principal climatizado para 30 pessoas, duas salas para teleconsulta equipadas com micro e webcam, TVs plasma 50 polegadas, equipamento de vídeo conferência multipontos, câmeras e projetores de alta definição. A Rede Universitária de Telemedicina é uma iniciativa do Ministério da Ciência e Tecnologia, apoiada pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e pela Associação Brasileira de Hospitais Universitários (Abrahue).

 

Caius Lucilius com Yasmine Souza
Assessoria de Imprensa do HC Unicamp

Share/Save