Professor de Havard realiza palestra sobre cardiotoxicidade

(27/09/2019) Uma das principais autoridades norte-americanas e do mundo em cardiotoxicidade associada a terapias oncológicas, professor Tom Neilan, da Harvard Medical School, estará na Unicamp no próximo dia 02 de outubro realizando uma palestra das 11 às 12, no auditório da pós-graduação da FCM. O convite para realizar a palestra e conhecer os serviços de cardiologia do HC da Unicamp foi feito pelo professor Otávio Coelho Rizzi Filho.

As pesquisas em cardiotoxicidade ganham cada vez mais espaço de investigação para diagnósticos mais eficientes e condutas clínicas em eventos adversos associados aos quimioterápicos. Essa linha de estudos já faz parte de grupos de pesquisa na FCM, inclusive em parceria com o pesquisador norte americano. Essa é a primeira vez dele no Brasil onde participará, em São Paulo, de um evento científico de cardio-oncologia.

Segundo Otávio Coelho Rizzi Filho um dos grandes problemas atuais para pacientes de neoplasias diversas tratados com quimioterapia é a lesão no músculo cardíaco. "A maioria dos pacientes apresentam um resultado bom com a quimioterapia porém, a cardiotoxicidade induzida por quimioterápicos tem se mostrado irreversível com problemas como insuficiência cardíaca, taquicardia ou arritmia, isquemia miocárdica etc", explica Rizzi Filho.

O cardiologista da Unicamp esclarece que num futuro muito próximo, as condutas clínicas para pacientes oncológicos serão alicerçadas por uma avaliação conjunta entre cardiologistas, oncologistas e radiologistas."O objetivo será efetivo e preventivo no equilíbrio dos riscos cardiotóxicos com a terapia antineoplásica", acredita. A palestra do atual chefe do serviço de CardioOncologia do Mass General Hospital será Breast Cancer Therapies and Cardiovascular Disease.

Caius Lucilius 
Assessoria de Imprensa do HC Unicamp

Share/Save