Superintendente encerra 5ª edição da jornada de segurança

(21/08/2019) O superintendente do HC da Unicamp, Antonio Gonçalves de Oliveira Filho encerrou nesta quarta-feira (21-08), a 5ª Jornada de Segurança do Paciente da Região Metropolitana de Campinas. O evento, promovido pelo Hospital de Clínicas da Unicamp em parceria com 15 instituições, hospitais e faculdades de Campinas e região, aconteceu no auditório V da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp e tratou nesta edição do tema “Impacto da Liderança e Desenvolvimento das Equipes na Segurança do Paciente" .

A jornada teve objetivo de promover a interação entre os profissionais da saúde nos níveis da atenção básica e hospitalar, para discutir e propor estratégias práticas, viáveis e sustentáveis que possibilitem uma atenção à saúde segura e de qualidade.

Nos dois dias do evento, cerca de 500 pessoas assistiram 15 palestras e mesas redondas relacionados à segurança do paciente. Foram apresentados no "Varal de Ideias", 66 trabalhos técnicos/científicos com resultados e metodologias inovadoras desenvolvidos nas instituições de assistência em saúde da região. A proposta inicial era premiar os três melhores trabalhos avaliados pela comissão organizadora conforme critérios estabelecidos.

"No entanto, pelo alto nível de qualidade, não nos contentamos em premiar apenas os três melhores, mas sim os dez melhores. Sendo que do 4º ao 10º classificados receberam menção honrosa”, diz  a professora Maria Silvia Vergílio, Coordenadora da Rede Brasileira de Enfermagem e Segurança do Paciente Núcleo Campinas.

Para o superintendente do HC e presidente de honra do evento, professor Antonio Gonçalves de Oliveira Filho, a quinta edição foi uma superação. “Eu tenho convicção que cada um sai daqui transformado, com algo maior e uma certeza, a de que cuidar da vida é promover a assistência segura ao paciente e aos colegas de trabalho”, comentou Filho emocionado após o vídeo de encerramento. “Fico feliz em saber que muitas instituições da Região estão cada vez engajadas nos atributos da qualidade do cuidado da segurança do paciente”, conclui o presidente do evento.

Segurança do Paciente é uma séria preocupação global de saúde pública, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) e é tema de grandes eventos e estudos internacionais e nacionais. Anualmente estima-se que ocorram anualmente 421 milhões de internações no mundo e aproximadamente 42,7 milhões de eventos adversos ocorrem em pacientes durante a hospitalização. Dados recentes mostram que o dano ao paciente é a 14ª principal causa de morbidade e mortalidade em todo o mundo.

Dado este cenário, em 2011 a OMS publicou o Guia Curricular de Segurança do Paciente para auxiliar as instituições acadêmicas da área de saúde na inclusão do ensino deste tema. Assim, cada vez mais observa-se que a Segurança do Paciente é tema de destaque no contexto da assistência em saúde e eventos como este, organizado em conjunto por várias instituições da Região Metropolitana de Campinas unidas têm agregado valor à assistência em saúde.

Caius Lucilius 
Assessoria de Imprensa do HC Unicamp

Share/Save