​Heliponto do HC recebe nova iluminação e pintura especial

(03/09/2018) Quem chega à Unidade de Emergência Referenciada (UER) do Hospital de Clínicas da Unicamp, já consegue ver uma área que fica próxima à entrada - trata-se do heliponto do hospital, que recebeu iluminação especial para pousos noturnos e neste mês foi concluída a pintura normatizada. O investimento foi de R$102.900,00.
 
A obra visa atender todas as normas de segurança predeterminadas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), além de dinamizar o atendimento de urgência e emergência de traumas, bem como agilizar o transporte de órgãos destinados à transplantes.
 
“Essa reforma vai favorecer o pouso dos helicópteros durante a noite, coisa que antes não acontecia. Nossa prioridade é sempre proporcionar mais segurança e facilidade aos nossos usuários”, esclarece Sergio da Silva Lacerda, Diretor de Engenharia do HC.
 
Segundo a Portaria nº 18/GM5 de 14/02/1974 da Anac, para se escolher o local destinado à construção de um heliponto, muitas observações são feitas levando em consideração uma série de fatores, principalmente os relativos à segurança das operações, interesse da comunidade e dos usuários. Assim, considerações sobre facilidades de acesso, nível de ruído sobre a comunidade, condições de vento, interferência no tráfego aéreo local, além de outras mais, deverão ser cuidadosamente estudadas.
 
Com uma área de toque de 400 m2 e área de pouso de 1.662 m2, que funciona 24 horas durante toda a semana, o heliponto do HC pode receber helicópteros de até quatro toneladas como a aeronave AS 565 UB Pantera do 3º Esquadrão de Aviação do Exército.
 
Atualmente, os pousos aconteciam apenas durante o dia, já que para operações noturnas é necessária a existência de luzes indicadoras dos limites da área de pouso e das obstruções existentes em torno da área de pouso e decolagem.
 
As luzes que serão utilizadas deverão ser amarelas, distribuídas em torno da área de pouso configurando seus limites, colocadas o mais próximo possível do solo, de forma tal, que fique visível pelos pilotos e não haja risco de danos aos helicópteros, às lâmpadas e principalmente aos usuários, nas manobras de pouso e decolagem dessas aeronaves.
 
Já as cores utilizadas na pintura do heliponto deverão seguir as normas apresentadas pelo Ministério da Aeronáutica e Anac, sendo da cor branca ou amarela, de preferência fosforescente. Para maior contraste, os contornos das figuras poderão ser pintados em preto.

Caius Lucilius  com Juliana Castro
Assessoria de Imprensa do HC Unicamp

 

Share/Save