Videolaparoscopia 4K é testada em cirurgia no HC

(24/08/2018) A equipe de cirurgia bariátrica do HC da Unicamp utilizou pela primeira vez, um sistema de videolaparoscopia 4K. O equipamento foi cedido pelo fabricante para testes e permite quatro vezes mais definição UHD (3840 x 2160 pixels) do que os sistemas de imagens Full HD (1920 x 1080 pixels) existentes no hospital. Comparado com o Full HD, a estrutura do tecido ou órgão é cerca de 50% mais próxima do olho, permitindo uma visibilidade rica em detalhes e ainda melhor do que uma cirurgia aberta.
 
Segundo o professor Elinton Chain, responsável pelas duas cirurgias realizadas, a qualidade das imagens é um diferencial com padrões finos de imagens das estruturas dos tecidos do corpo. "Mesmo sendo experimental realizamos as duas cirurgias muito mais rápido, graças à definição das imagens que asseguram mais precisão ao cirurgião na visualização do procedimento", informa Chain.
 
Para o gastrocirurgião nos últimos dois anos houve um ganho enorme nos procedimentos cirúrgicos do HC - especialmente no tempo cirúrgico - com a chegada dos sistemas de videolaparoscopia e videocirurgia Full HD da Olimpus, Storz e Strike. "Mas os equipamentos em 4k também possuem zoom digital, que amplia três níveis de detalhamento da imagem e consequentemente oferecem uma luminosidade maior e uma gama de cores muito diferente que permite a visualização detalhada de vasos ou lesões", destaca.

Caius Lucilius  com Beatriz Bittencourt
Assessoria de Imprensa do HC Unicamp 

Share/Save