Eduardo Suplicy entrega novos sistemas de vídeo cirurgia

(25/11/2016) O ex-senador Eduardo Suplicy, o coordenador geral da Universidade, Álvaro Crósta e o superintendente João Batista de Miranda entregaram nesta segunda-feira (28-11), quatro sistemas de vídeo cirurgia full HD da Striker e mais dois conjuntos de óticas para sistemas de vídeo cirurgia HDTV da Olympus. Suplicy indicou a emenda parlamentar em 2012 para o HC no valor de R$ 1 milhão com contrapartida da reitoria de R$ 250 mil para a aquisição dos quatro sistemas, totalizando R$ 1.250.000,00.

O Hospital de Clínicas da Unicamp é o primeiro na região a incorporar sistemas de vídeo cirurgia de última geração, para o uso em procedimentos minimamente invasivos, com a geração e visualização de imagens endoscópicas em resolução full HD. “É um grande salto tecnológico para o desempenho cirúrgico de várias especialidades cirúrgicas, inclusive a minha”, comentou Miranda. Já os dois conjuntos de óticas para sistemas vídeo cirurgia da Olympus custaram ao hospital cerca de R$ 50.000,00.

Crosta, que representou o reitor Tadeu Jorge, salientou a dificuldade com os gastos crescentes, sejam na Universidade ou no HC, e que exigem um comprometimento incessante dos gestores. “A evidência desse desafio está aqui, e é com muita satisfação que podemos afirmar que será empregado em benefício de pacientes que necessitam do SUS”, disse Crosta. O coordenador geral da Unicamp aproveitou para agradecer a vinda do senador Suplicy. “Somos profundamente gratos por esse investimento”, concluiu.

Os sistemas de vídeo cirurgia oferecem muitos avanços tecnológicos para benefício dos pacientes como a capacidade de aumentar o campo de visão com riqueza de detalhes nos processos cirúrgicos. Cada equipamento é composto por uma câmera com processador de imagens full HD, uma fonte de luz de LED, um monitor grau médico de 26 polegadas full HD, um insuflador de CO² de até 45 litros e um sistema de gravação e edição de imagens full HD.
 
Outro destaque dos novos sistemas de vídeo cirurgia é a interface com TI. Ao iniciar um procedimento cirúrgico, o equipamento realiza o envio automático de imagens e dados para a rede do hospital, para o sistema PACS e também equipamentos de impressão, compatível com o formato DICOM. É adaptado ao sistema de sala cirúrgica integrada, podendo ser controlado remotamente por controle central touch screen e comando de voz.

Os equipamentos atendem a todas especialidades médicas, e serão utilizados nas áreas de cirurgia geral, pediátrica, plástica, torácica, de cabeça e pescoço, do trauma, gastro, neuro, otorrinolaringologia, urologia, ortopedia, vascular entre outras.

Caius Lucilius com Isabelle Mancini

Assessoria de Imprensa do HC Unicamp 

Share/Save