Laser de última geração para as cirurgias urológicas no HC

(20/06/2016) O Hospital de Clínicas da Unicamp será o primeiro na região a dispor de um equipamento de última geração para cirurgias urológicas. O aparelho é chamado holmium YAG laser e pode ser usado no tratamento de cálculos renais, ureterais, vesicais e biliares. Entre as vantagens do aparelho estão menor sangramento, baixo risco de incontinência e disfunção erétil. O novo laser foi adquirido para o HC com recursos da reitoria da Unicamp empenhados desde 2014 e custou U$$ 131.630,00.
 
De acordo com professor Carlos Arturo Levi D’Ancona (foto), responsável pela área de urologia funcional do HC da Unicamp, o equipamento é importado e estará à disposição da população no segundo semestre. "O equipamento possibilitará realizar cirurgias complexas intra-renais, ureterais e prostáticas, permitindo por exemplo, a retirada de próstatas maiores e o tratamento de qualquer tipo de cálculo renal", detalha D’Ancona.
 
Segundo ele outra vantagem do equipamento holmium YAG laser é a qualidade da cirurgia, que dispensa cortes externos, possibilita a absorção de fluidos da irrigação, menos dor pós-operatória e uma rápida recuperação para alta hospitalar. Do ponto de vista de ensino para a residência médica, o aparelho dispõem de uma série de opcionais, como pinças e ferramentas miniaturizadas permitindo delicadas cirurgias dentro do sistema coletor urinário.
 
O holmium YAG laser foi introduzido recentemente no mercado cirúrgico e tem se difundido na urologia, demonstrando vantagens promissoras como a precisão para cortes e ablações de tecidos, fornecendo suficiente coagulação e a possibilidade de ser operado em ambientes com líquido, acessando locais remotos do corpo humano através de aparelhos das fibras óticas flexíveis. O equipamento é pulsátil com muitas características que o tornam ideal para o procedimento endourológico.
 
Para o coordenador de Assistência do Hospital de Clínicas, professor Antonio Gonçalves de Oliveira Filho que é cirurgião pediátrico, o hospital tem apostado cada vez mais em novas tecnologias minimamente invasivas como esse tipo de laser, que oferecem baixa morbidade e elevada eficácia, bem como melhor uso da salas cirúrgicas. "Por ser mais eficiente, a tecnologia vai melhorar a demanda das especialidades médicas beneficiadas pela tecnologia", diz Oliveira Filho.

Caius Lucilius com Isabelle Mancini
Assessoria de Imprensa do HC Unicamp 

Share/Save