HC sedia Seminário de Políticas Públicas sobre Drogas Lícitas e Ilícitas

(22/08/2011) Promover um amplo debate sobre o contexto sócio-político-cultural relacionado ao uso de drogas lícitas e ilícitas, envolvendo todos os setores da sociedade é o objetivo do Seminário de Políticas Públicas sobre Drogas Lícitas e Ilícitas, que acontece nesta sexta-feira (26-08), a partir das 9 horas, no anfiteatro do Hospital de Clínicas da Unicamp. A proposta do evento é da deputada federal Aline Corrêa (PP-SP), integrante da Comissão Especial de Políticas Públicas de Combate às Drogas da Câmara dos Deputados (CEDROGA), que tem percorrido todos os estados da Federação.

O evento contará com três painéis divididos nos temas: Estratégias de tratamento, requalificação profissional e reinserção social; Estratégias de prevenção às drogas: O papel da escola, dos profissionais de saúde e das comunidades; Políticas públicas de repressão e redução da oferta. A abertura do evento será do professor e psiquiatra Ronaldo Laranjeira, da Escola Paulista de Medicina (Unifesp), criador da ONG Unidade de Pesquisa em álcool e Drogas (UNIAD), fundada em 1994 com o apoio do Departamento de Psiquiatria da Unifesp.

Para o superintendente do HC, Manoel Barros Bértolo, a oportunidade de promoção desse tipo de evento será de grande importância para reflexão, esclarecimento e conhecimento sobre os temas. “Sabemos dos problemas atrelados ao consumo de drogas em especial o aumento de ocorrências policiais relacionadas às drogas ilícitas que colocam o problema no topo da agenda pública”, alerta Bértolo que estará presente ao evento.

A deputada Aline Corrêa explica que desde criação da CEDROGA, os parlamentares integrantes da Comissão tem trabalhado para organizar e fortalecer as melhores experiências em todo o País. “O Brasil só construirá políticas públicas eficazes quando essa construção for coletiva, com a participação de quem já trabalha contra a dependência química, de quem está em contato com o dependente e de quem vê de perto o sofrimento das famílias”, aponta a deputada federal.

Para a deputada Aline Corrêa a promoção de seminários como o do HC da Unicamp é uma forma de estar perto das instituições e pessoas que vivem esse dia a dia e que podem nos ajudar a nortear o nosso trabalho na Câmara dos Deputados. “Isso fortalece nossa relação com os problemas da sociedade e nos ajuda a reunir as proposições possíveis de Legislação Federal no enfrentamento aos problemas”, enfatiza Aline Corrêa. Participarão do evento, entidades que desenvolvem trabalhos sobre drogas, entre elas, organismos estatais, representantes da classe política, religiosa, empresarial, sociedade civil organizada e população em geral, além de prefeituras da região.

Segundo a psiquiatra Renata Soares de Azevedo e coordenadora do ambulatório Substâncias Psicoativas do Hospital de Clínicas da Unicamp (ASPA-Tabagismo), o avanço do crack, atingindo populações cada vez mais jovens, assim como os altos índices de dependência de tabaco e álcool no Brasil são pontos que devem ser discutidos nesta data. No HC cerca de 400 pacientes de Campinas e região são atendidos por mês nos diversos grupos que acontecem no ambulatório. Renata Soares de Azevedo estará no evento participando do primeiro painel.

O evento de Campinas é o último a ser realizado antes do Seminário Nacional da Comissão Especial de Políticas Públicas de Combate às Drogas, que acontece em Brasília, no próximo dia 1º de setembro, no auditório Nereu Ramos da Câmara dos Deputados. A abertura será feita conjuntamente pelo deputado Marco Maia, presidente da Câmara dos Deputados, pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha; pela ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann; pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo e pela ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome; Tereza Campello. Após o evento será apresentado um relatório final com proposições de legislação e ações.

Leia mais sobre drogas lícitas e ilícitas abordadas por especialistas do HC da Unicamp na matéria http://www.hc.unicamp.br/imprensa/not-110628.shtml.

A programação completa estará disponível ainda hoje (segunda-feira, 22)

 

Caius Lucilius

Assessoria de Imprensa do HC Unicamp
Share/Save Compartilhar